domingo, 20 de março de 2011

Não quero ser na tua vida o inicio do fim, nem o fim de um começo, 
mas um o inicio de um começo sem fim...

3 comentários:

  1. Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

    ResponderEliminar
  2. Anónimo permite-me discordar, mas muitas coisas são eternas, como a inocência no olhar de uma criança, e também a tua falta de coragem... Lá porque tu não tens nada na tua vida que seja eterno, não quer dizer que os outros também vivam assim... mas se queres um conselho, aprende a olhar à tua volta e a ver as coisas com outros olhos, pode ser que assim ACORDES para a verdadeira vida!

    ResponderEliminar